Jornadas de Formação “Dádiva de Sangue”

 

A FAS-Portugal, continuou em 2017 dando à formação grande visibilidade e considera a formação para dirigentes, dadores e educadores, como o grande trabalho a realizar a nível nacional.

Colocando no terreno toda a experiência e historial adquiridos ao longo dos tempos. A formação é fundamental para o crescimento de todos e da maior importância para a dádiva de sangue.

Estruturar valores, transmitir saberes, informar e incentivar dirigentes e jovens para o voluntariado na dádiva de sangue, é garantir a continuidade e o futuro.

Começamos na escola secundária de S. M. da Feira, com catorze turmas de 12º e duas de ensino profissional, movimentando no total de cerca de 480 alunos, quatro sessões de 120 alunos cada, dos quais cerca de vinte (a maioria tinha 17 anos) deram sangue pela primeira vez, em colheita na semana seguinte à qual se juntaram professores e funcionários. Houve alunos que traziam uma declaração dos pais pois só tinham dezassete anos, mas tal não foi possível. (ver Associação de S. M. da Feira)